sexta-feira, 22 de fevereiro de 2013

rabiscos


Normalmente às sextas feiras,

quando fico sem eira nem beiras,
a vagar pelo mundo ébrio,
concateno algum poema,
que talvez se estivesse sóbrio,
não teria coragem ou alma
para rabiscar assim em vão
e compartilhar a dor, a alegria e paixao


Um comentário:

Ivanovitch Medina disse...

Muito bacana, parabéns.